segunda-feira, 5 de julho de 2010

Novo Caça para o Brasil

Não sei quanto a vocês, mas eu sempre gostei de filmes de aviões de caça. Pensava quando criança, um dia poder pilotar esses "brinquedos". Depois, já com mais idade descobri que precisa estudar e muito para pode controlar essas belezinhas. Como oficial da aeronáutica o treinamento é pesado, anos de estudos, autocontrole testado a todo momento...


Enfim, deixei de lado a vontade e preferi algo mais brando, rsrsrs.


Mas, a importância desses aviões é considerável, para que um país possa ter sua soberania e garantia de integridade, contra possíveis interesses egoísticos de outras nações. Assim, o Brasil já procurava novos caças para a Força Aérea, e hoje saiu a seguinte notícia no site do Itamaraty:


"E o vencedor é o Rafale
05/07/2010

Depois de vários adiamentos, a avaliação final do programa de compra de 36 caças para a FAB confirma o favoritismo do francês Rafale. O resultado está na chamada Exposição de Motivos, documento de 40 páginas que detalha vantagens e desvantagens de cada modelo. Será entregue a Lula pelo ministro Nelson Jobim nesta semana. Um novo cálculo elevou de 9% para 36% o peso da transferência de tecnologia, deixando em segundo plano o quesito preço. A Dassault também foi a única empresa que bancou como contrapartida a compra de 12 aviões de transporte KC-390 e sua construção em parceria com o Brasil."

O KC-390 é um projeto, em desenvolvimento, da empresa brasileira Embraer. Trata-se de um avião cargueiro a jato que a França contribuirá, então, com tecnologia militar. O KC-390 terá requisitos exclusivos da Força Aérea Brasileira, para substituir os aviões a hélice, Hércules, fabricados pelos Estados Unidos.

As Forças Armadas do Brasil merecem todo o respeito e investimento para guardar o povo brasileiro. (clique nas imagens para ampliar)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu recado